noComentários

8 dicas para decorar uma varanda pequena

Os apartamentos são cada vez mais procurados por pessoas que querem viver com segurança, bem-estar e qualidade de vida. Entretanto, uma exigência feita à imobiliária é que tenham varanda, visto que ela oferece um espaço para relaxamento e descanso. Esse elemento presente nos apartamentos pode ser bem espaçoso, mas também existem opções menores. Esses modelos são mais procurados por pessoas que moram sozinhas ou casais, que desejam um ambiente mais otimizado.

Contudo, na hora de decorar uma varanda pequena, muitas pessoas ficam em dúvida sobre como aproveitar melhor o espaço. Então, pensando nisso, preparamos o post de hoje para dar dicas incríveis de como criar a decoração de sua varanda pequena, baseados nas dicas do site MóveisBR. Vamos lá?

Tire todas as medidas do local

O primeiro passo para decorar uma varanda pequena é tirar todas as medidas do ambiente. Isso porque, somente assim você saberá quais móveis cabem no local, garantindo a proporção adequada, além de evitar colocar peças em excesso. Uma boa dica, portanto, é fazer uma planta baixa em escala, incluindo todos os móveis e objetos que pretende colocar na varanda. A partir disso, você já consegue entender melhor as medidas de cada item que deseja ter em seu espaço.

Pense na função do ambiente

Outro ponto importante é pensar na função que a varanda terá em seus dias. Será um espaço apenas para colocar flores e plantas? Deseja montar uma área gourmet? Quer poder trabalhar no local? Ou pretende torná-lo um espaço de descanso? A partir disso, saberá qual estilo seguir, quais serão os móveis necessários, se precisa fechar a varanda com a cortina de vidro, etc. Cada um desses ambientes tem características específicas e demandas diferentes. Por isso, pense bem antes de colocar a mão na massa.

Varanda aberta ou fechada?

Cada caso é um caso. Para espaços abertos, com exposição ao sol, vento e chuva, você vai precisar ter um planejamento diferente, optando por móveis resistentes às intempéries e que não fiquem danificados ao longo do tempo. Hoje em dia existem várias técnicas de impermeabilização de móveis, além de fibras e metais que não oxidam. Por outro lado, varandas envidraçadas não deixam os elementos tão expostos. Mas, dependendo da posição solar do imóvel, é importante incluir uma persiana para evitar que os móveis e outros elementos se desbotem ao longo do tempo.

Deixe um espaço livre para circulação

Outro ponto fundamental é que, por ser uma varanda pequena, você precisa ficar muito atento ao espaço livre de circulação. Afinal, de nada adianta conseguir incluir todos os móveis e objetos, se tem dificuldade para se locomover na varanda. Sendo assim, é recomendado deixar, em média, 50 cm livres para a passagem.

Além disso, se quiser montar um espaço gourmet, pode optar por soluções otimizadas, como a bancada em vez de uma mesa, por exemplo.

Opte por móveis multifuncionais

Se você tem uma varanda pequena, deve optar por móveis que sejam leves e compridos. Além disso, se o espaço fica integrado a outros ambientes, é interessante que o mobiliário seja harmônico e converse com o restante do imóvel. Além disso, dependendo da função de sua varanda, é possível optar por móveis versáteis, como uma mesa que serve tanto para o trabalho em casa, quanto para realizar refeições no dia a dia.

Avalie as cores

As cores da varanda também são importantes e devem ser escolhidas com muita atenção. Por ser um espaço pequeno, não é interessante optar por tons muito vibrantes, mas sim cores claras e neutras. Isso porque, elas refletem melhor a luz e contribuem para sensação de amplitude. Além disso, dependendo da função da varanda, as cores também podem mudar. Em um espaço gourmet, por exemplo, tons de terra e mais quentes são excelentes, desde que você mantenha o equilíbrio com cores mais claras.

Inclua plantas

As plantas dão vida para os ambientes e a varanda do apartamento, com certeza, é o melhor lugar para colocá-las. Uma boa dica, portanto, é criar um jardim vertical, com a ajuda de um deck de madeira para pendurar os vasos. Dessa forma, você aproveita melhor o espaço, sem deixar de lado a sensação de aconchego e bem-estar que só as plantas podem oferecer.

Iluminação

Por fim, mas não menos importante, para uma varanda confortável, prefira iluminação indireta, utilizando pendentes e pontos de luz espalhados, como os spots e arandelas. Além de serem muito charmosos, dão sensação de aconchego no dia a dia. Mas, lembre-se de usar somente lâmpadas amarelas, pois são visualmente mais confortáveis.

Então, agora que você sabe como decorar uma varanda ou área externa pequena, é hora de colocar em prática nossas dicas. Lembre-se de ter um bom planejamento, considerando o espaço disponível e a função desejada para o local. Dessa forma, você garante um espaço bem organizado e otimizado, promovendo o máximo de conforto e bem-estar em seus dias.

Responder

− 4 = 6